É exactamente no meio de uma multidão em chamas, que a solidão justamente com a saudade, dão as caras. É aí que o medo bate à porta e a insegurança, de mãos dadas com a angústia, te consomem. Deixam-te vazio, inquieto e com um mar de lembranças a pairar sobre a tua mente. O gosto bom daqueles momentos que nunca esquecerás, mas principalmente, o vazio que eles agora te fazem sentir.